Páginas

sexta-feira, março 30, 2012

Quem interrompe a atividade física pode ter ganho de peso

Exercícios interrompidos

O verão em breve vai chegar e a corrida para as academias também. Mas, se está pensando em malhar apenas para exibir um corpinho sarado nas praias e piscinas e abandonar os exercícios no inverno – comportamento de muita gente, aliás - saiba que o ganho de peso no período de intervalo pode ser ainda maior do que quando se começa a malhar.

É o que alerta uma pesquisa divulgada pelo American College of Sports Medicine. O estudo avaliou, durante sete anos, 17.280 homens e 5.970 mulheres. Aqueles que corriam pequenas distâncias (até oito quilômetros por semana) estavam mais sujeitos a ganhar peso quando pararam do que os que se exercitavam mais. 

O estudo mostra ainda que a diminuição nas distâncias da corrida causa ganhos significativos de peso em todos os níveis, mas o aumento na balança é progressivamente maior à medida que o corredor se aproxima do sedentarismo.

Especialistas brasileiros relacionam esse ganho de peso aos hábitos alimentares que são adquiridos durante a prática dos exercícios. Quem se exercita acaba consumindo mais calorias, hábitos esses que não são abandonados quando se deixa de malhar.

Além da dificuldade para manter o peso, o exercício intermitente também oferece outros riscos, como a sobrecarga das articulações e dos tendões. Condicionamento físico se mantém com a prática regular. Quem faz atividade física e pára, continua sedentário.

Por Yasmin Barcellos

Nenhum comentário:

Postar um comentário