Páginas

segunda-feira, outubro 01, 2012

Tabus ainda impedem mulheres de plena satisfação sexual

Ginecologista dá dicas de como melhorar a vida sexual e ter mais prazer 
Dra. Viviane Monteiro 

Uma pesquisa recente feita com 98 mulheres em um hospital do Rio de Janeiro demonstrou que, em pleno século XXI, as mulheres ainda sofrem fortemente com tabus sexuais, que as impedem de chegar ao orgasmo e ter uma vida sexual saudável e satisfatória. 

De acordo com o estudo, cerca de 42% das mulheres entrevistadas não atingem o orgasmo. A pesquisa também indica que, desse percentual, aproximadamente 30% das mulheres não chegam ao clímax por problemas psicológicos que envolvem conflitos a respeito da sexualidade, falta de conhecimento do próprio corpo, dificuldade na intimidade e comunicação do casal, estresse, cansaço e rotina entediante. A ginecologista e obstetra Viviane Monteiro estima que quase metade das pacientes que frequentam o seu consultório relatam alguma disfunção sexual. 

Pensando nisso, a especialista elaborou dicas simples para mostrar às mulheres que pode ser mais fácil resolver problemas na cama do que se imagina e, também, para ajudá-las na busca de mais prazer nas relações sexuais: Comunique-se. 

Procure amigas que tenha confiança e troque ideias a respeito do que você passa. Converse com a sua ginecologista, exponha as suas dúvidas. Não guarde medos e inseguranças somente para si. 

O problema pode ser fácil de se resolver, só é preciso que você busque orientação. Vale também buscar ajuda de um psicólogo. Conheça seu corpo, é muito importante saber qual ponto deve ser estimulado e descobrir onde sente mais prazer. Faça isso em momentos sozinha, como no banho. Peça para o parceiro prolongar as preliminares. 

Não tenha vergonha de pedir para ele tocar nos pontos mais excitantes do seu corpo. Descubra se ele desejaria fazer oral em você. Quando há intimidade entre o casal, peça para ele fazê-lo e aproveite o máximo se concentrando na sensação que ele está te proporcionando. 

Estrias e celulites? Esqueça-as para sempre, ou pelo menos na hora do sexo. Esqueça também do orgasmo e que você nunca conseguiu tê-lo. Não ficar pensando “eu tenho que ter orgasmo” e pensar apenas em si. Libere-se dos preconceitos e experimente o que você sente vontade de fazer. Seu parceiro, provavelmente, adorará novidades. Se mudar de posição não a agrada e a deixa tensa, avise ao parceiro antes mesmo de iniciar o ato, ou na hora mesmo, como queira. 

Há muitas mulheres que não conseguem chegar ao orgasmo porque o parceiro adora fazer acrobacias. Faça sexo pela manhã, ao acordar. Quanto mais relaxada, mais fácil de chegar ao prazer máximo. No mesmo sentido, faça sexo após o banho ou depois de uma seção de massagem. Fuja da rotina, surpreenda, experimente. 

Lembre-se que sexo é parceria, cumplicidade e troca. Na cama, não existe essa de adivinhar, ou seja, ajudar o parceiro com uma dica aqui e ali vai trazer muito mais prazer à relação. 

Camila Rodrigues : atendimento2@donacomunicacao.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário