Páginas

sábado, março 22, 2014

OBESIDADE com peso normal também compromete a saaúde


 Obesidade-com-peso-normal-também-compromete-a-saude-discovery-mulher


Por Sheila M. Eldred

Quando a esquiadora Lindsay Vonn se referiu às modelos como “magras gordas”, dizendo que “têm mais celulite do que a maioria das pessoas”, colocou em evidência um problema de saúde que anda um tanto esquecido em meio à epidemia de obesidade nos Estados Unidos.

“Vejo pessoas assim o tempo todo”, relata o dr. Daniel Neides, diretor médico do Instituto de Bem-estar da Clínica Cleveland, à revista Time. “Por fora, parecem incrivelmente saudáveis, mas por dentro estão um caco”.

O termo mais técnico, obesidade com peso normal (OPN), refere-se a pessoas com índice de massa corporal normal, mas com alta porcentagem do tipo mais perigoso de gordura. Em geral, não se exercitam muito, adotam dietas pouco saudáveis e enfrentam os mesmos problemas associados à obesidade: diabetes tipo 2, pressão alta e colesterol elevado. Uma nova pesquisa sugere que pessoas com essa condição correm maior risco de apresentar problemas metabólicos e até de morrer em decorrência de doenças cardiovasculares, segundo a Time.

“Uma dieta rica em açúcar e alimentos processados provoca o acúmulo da gordura visceral, associada a todo tipo de fatores de risco típicos da obesidade”, explica o dr. Mark Hyman, escritor especializado em dietética.

A mensagem é clara: o peso deve ser apenas uma peça do quebra-cabeça, afirmam os especialistas. Da mesma forma que pessoas com excesso de peso podem estar em forma, pessoas abaixo do peso podem estar doentes.

“É sexy e bonito ser saudável”, declarou Vonn em uma entrevista à revista Self .

Nenhum comentário:

Postar um comentário