Páginas

terça-feira, abril 01, 2014

Estudo associa consumo de café com menor risco de suicídio

Motivo pode ser o efeito antidepressivo da cafeína.
Pessoas deprimidas, contudo, não devem tomar mais café, dizem autores.

Estudo feito na Escola de Saúde Pública da Universidade Harvard, nos EUA, associa o consumo de café com a redução de cerca de 50% do risco de suicídio em homens e mulheres. O trabalho foi publicado no “The World Journal of Biological Psychiatry”.

Analisando dados de três grandes estudos feitos com mais de 208 mil pessoas, os pesquisadores identificaram que quem toma entre duas e quatro xícaras diárias de café com cafeína tem uma tendência ao suicídio menor do que quem ingere café descafeinado ou não toma a bebida.

A explicaçãopode estar no fato de a cafeína, além de ser um estimulante, ter um leve efeito antidepressivo ao estimular a produção de neurotransmissores como a serotonina, a dopamina e  noradrenalina.

Apesar da conclusão do estudo, seus autores recomendam que adultos deprimidos não tomem mais café, porque em geral as pessoas já fazem um consumo do produto num nível ajustado ao seu bem-estar. Se passarem a tomar mais, podem sentir efeitos desagradáveis do excesso de cafeína.

Fonte: Bem Estar

Nenhum comentário:

Postar um comentário